Visualizações de páginas da semana passada

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Nasa descobre rachadura em geleira e monitora formação de iceberg

Uma rachadura com até 280 m de largura e 60 m de profundidade foi identificada pela maior missão aérea de monitoramento do gelo polar, a Ice Bridge, da Nasa.
Nasa-26.out.11/France Presse
Rachadura gigante, com 280 m de largura e 60 m de profundidade, na ilha Pine, Antártida
Rachadura gigante, com 280 m de largura e 60 m de profundidade, na ilha Pine, Antártida

Cientistas da agência afirmaram ontem que a fissura se estende por 29 km na geleira da ilha Pine, na Antártida. Ela deverá dar origem a um iceberg de 880 km².
A observação da enorme rachadura foi feita em voos de investigação realizados em outubro pela equipe da Ice Bridge. Em 2001, a mesma geleira já havia dado origem a um iceberg, e muitos especialistas acreditavam que o processo pudesse se repetir. Mas, até a recente missão, não havia indicações de que isso estivesse acontecendo.
Apesar de impressionante, o fenômeno faz parte do "processo natural das geleiras", dizem os pesquisadores. "Sabemos pouco da formação desses icebergs porque não observamos com frequência esses fenômenos. É a primeira vez que sobrevoamos uma fissura tão grande. Esperamos que isso ajude a explicar como eles se formam para podermos prevê-los", afirmou
Michael Studinger, o chefe do projeto, em videoconferência com a imprensa.
Uma dos objetivos do Ice Bridge é acompanhar, sobrevoando e por satélite, as mesmas regiões de gelo. Assim, é possível acompanhar as mudanças.

http://www1.folha.uol.com.br/ambiente/1001500-nasa-descobre-rachadura-em-geleira-e-monitora-formacao-de-iceberg.shtml

Nenhum comentário:

Postar um comentário